Saiba quais são os cuidados no uso do elevador por crianças
  • Saiba quais são os cuidados no uso do elevador por crianças

    cuidados no uso do elevador por crianças



    Na semana passada o Brasil se chocou com a tragédia que tirou a vida de Miguel, um menino de apenas cinco anos que caiu de uma altura de 35 metros de um prédio de luxo no Recife. Miguel foi deixado sozinho, dentro de um elevador, pela patroa de sua mãe, a primeira-dama de Tamandaré, Sari Corte Real que estava responsável pelo garoto naquele momento e irá responder por homicídio culposo. Sari estava com o menino enquanto sua mãe, a empregada doméstica Mirtes Renata Souza, passeava com o cachorro da patroa. Além de suscitar discussões sobre desigualdade de classe e racismo estrutural, o caso chamou atenção para os cuidados no uso do elevador com crianças.

    LEIA TAMBÉM:
    Brincando no parquinho com segurança 
    Vídeo: meu filho não sabe ler, e agora? 
    Máscara: 5 coisas que você precisa saber para limpar a sua

    A deputada estadual do Pernambuco Gleide Ângelo (PSB) apresentou um projeto de lei na quinta-feira (4) que proíbe o uso de elevadores por crianças desacompanhadas de um adulto. Na cidade de São Paulo há uma lei que proíbe o uso de elevadores por crianças abaixo de dez anos que estejam desacompanhadas, pois elas não teriam discernimento para agir em caso de algum problema.

    Veja algumas dicas de segurança para o uso de elevadores por crianças:

    – Jamais deixe que uma criança com menos de dez anos de idade ande sozinha de elevador;

    – Mesmo que a criança tenha mais de dez anos, não permita que ela use o elevador sozinha se achar que ela não tem discernimento para acionar o interfone ou o botão de emergência em caso de necessidade;

    – Não permita que a criança brinque com os botões do elevador. Elevador não é brinquedo;

    – Ensine a criança a não mexer nas portas do elevador: não colocar as mãos entre as portas, não apressar ou interferir na abertura ou fechamento das portas. Ensine-a a não ultrapasse as portas enquanto elas estiverem em movimento; não puxe a porta sem que a cabine esteja parada no andar;

    – Lembra da famosa plaquinha: “Antes de entrar no elevador, verifique se o mesmo encontra-se parado neste andar”? Então oriente a criança a sempre se certificar de que o elevador esteja devidamente parado e alinhado ao solo do andar na hora de entrar e sair;

    – Não permita que a criança pule dentro do elevador;

    – Ensine a criança a esperar quem está dentro sair, para depois entrar;

    – Não lote o elevador acima da capacidade máxima de quantidade de pessoas, especialmente em temos de coronavírus! O ideal é que os moradores usem os elevadores sozinhos ou apenas com quem vive na mesma casa.

    Fontes: Elevadores Alpha, Corpo de Bombeiros do Paraná

     

  • Back to top