Saiba quais mudanças permanecem nas maternidades por conta do coronavírus
  • Saiba quais são as mudanças que estão sendo feitas nas maternidades por conta da pandemia de coronavírus

    maternidades coronavírus


    A pandemia do coronavírus impôs algumas mudanças e restrições nos protocolos das maternidades de todo o País.

    Mesmo com a flexibilização do isolamento, o cotiano das maternidades ainda está diferente do que era antes.

    LEIA TAMBÉM:
    Após polêmica com Giovanna Ewbank em maternidade, Justiça autoriza mãe a ter fotógrafa em parto
    O que levar no enxoval do bebê para a maternidade?
    Devo amamentar se estiver com suspeita ou confirmação de covid-19?

    O que as malas de maternidade dizem sobre as diferentes realidades dos países
    Casa com crianças: inspire-se nessa decoração ‘instagramável’

    Saiba aqui quais são as principais mudanças que ainda estão ocorrendo nas maternidades. Lembrando que os protocolos podem mudar a qualquer momento e que cada maternidade tem as suas regras, então cheque com a maternidade onde você pretende dar à luz como eles estão lidando com cada tópico dessa lista.

    Veja:

    1 – Uso de máscaras

    O uso de máscaras é obrigatórios para as pacientes e acompanhantes. Mas atenção: algumas maternidades fornecem máscaras cirúrgicas e descartáveis, e outras pedem para cada paciente levar as suas. Se esse for seu caso, leve várias unidades para trocar ao longo dos dias. Alguns hospitais orientam a usar as máscaras o tempo todo, outras orientam a usar só quando a paciente ou o acompanhante saírem do quarto e forem circular pelas alas da maternidade.

    Mesmo se a sua maternidade forneça máscaras, leve pelo menos uma para a saída, para usar no trajeto entre o hospital e a sua casa.

    2 – Visitas

    Até uma ou duas semanas atrás, as maternidades estavam proibindo completamente as visitas. Agora, algumas estão flexibilizando isso, mas com restrições de quantidade de visitantes diários.

    3 – Fotógrafos/cinegrafistas

    Nesse quesito acontece o mesmo que as visitas. Até uma ou duas semanas atrás a presença de fotógrafos estava proibida de maneira geral em todas as maternidades.

    Agora, alguns hospitais ainda estão vetando a presença desses profissionais, mas algumas já estão permitindo e testando os fotógrafos para a covid-19.

     

    4 – Acompanhantes

    Esse é o item mais polêmico da lista. Muitas maternidades continuam permitindo a presença de acompanhantes das parturientes, durante o parto e durante toda a internação. Mas sem revezamento, ou seja, o acompanhante tem que permanecer o mesmo durante toda a internação.

    Porém algumas maternidades estão permitindo o acompanhamento somente durante o parto, depois ele tem que ir embora e só pode voltar na alta para buscar a gestante. Isso é polêmico porque fere a lei do acompanhante que garante que a gestante tenha o direito de ter um acompanhante durante o parto.

    Essas maternidades alegam que estão tomando todas as medidas de segurança possíveis para evitar que as pacientes e funcionários se contaminem com o covid-19, e que não têm estrutura para cuidar de pacientes contaminadas.

    Portanto, cheque antes com a sua maternidade para saber como o hospital está procedendo com as regras para acompanhante.

    5 – Teste de covid

    Por fim, algo que diversas maternidades estão fazendo é testar as gestantes antes do pato. Se o parto for uma cesárea agendada, o exame é agendado alguns dias antes. Se for um parto normal não agendado ou um parto de emergência, aí é feito o teste rápido no momento da internação. Se der positivo, a gestante fica numa ala específica para parturientes com covid-19.

  • Back to top